Iniciando com a API do Zabbix

Olá pessoal,

Nas últimas semanas tenho recebido muitas dúvidas sobre como iniciar com a API do Zabbix.

Apesar de eu ter feito um hangout e disponibilizado alguns vídeos iniciais sobre a API do Zabbix, os leitores do blog e das listas/fóruns que eu participo ainda tem muitas dúvidas sobre a API do Zabbix, especialmente o pessoal que trabalha na parte de infraestrutura.

Alguns pontos importantes


Inicialmente, esqueça a parte gráfica (dashboard, relatórios em PDF, gráficos etc.)
Nenhuma API faz isso se você não souber programar em uma linguagem com bibliotecas específicas para isso.

Vejo muitos pessoas por aí mostrando telas, gráficos tipo guage etc falando que fez isso com API. Não se enganem, isso não é API, é desenvolvimento Web que está consumindo os dados do Zabbix através de API. Fazer isso não é uma coisa trivial, ainda mais para utilizadores de uma ferramenta onde a maioria dos usuários é da área de infra e não possuem experiência em programação.

Bom, depois disso, espero que você não seja mais enganado sobre qual é o propósito da API do Zabbix.

Segundo a documentação oficial da API do Zabbix:

Zabbix API allows you to programmatically retrieve and modify the configuration of Zabbix and provides access to historical data. It is widely used to:
  • Create new applications to work with Zabbix;
  • Integrate Zabbix with third party software;
  • Automate routine tasks.
O fato de você aprender a fazer as requisições com os métodos da API do Zabbix não te dará know-how para fazer esses três exemplos citados na documentação da API do Zabbix. Ou seja: se você não souber programar em alguma linguagem, seja ela backend ou frontend (ou até mesmo usar ferramentas em Shell Script) você não conseguirá tirar proveito da API do Zabbix.

Uma coisa é certa. A API do Zabbix trabalha no lado servidor, ou seja, no lado backend. Então, mais uma vez, quem te mostrar um gráfico gauge ou outro qualquer e falar que o fez com a API do Zabbix, está equivocado. Ele fez esse gráfico com uma linguagem frontend.

Portanto, para você que não sabe programar, tenha em mente:

  1. Aprenda a fazer as requisições do que você quer recuperar do Zabbix
  2. Entenda como funciona o formato JSON
  3. Comece fazendo as requisições diretamente no terminal usando wget ou curl
Depois desses passos, escolha uma linguagem de programação, uma biblioteca com a API do Zabbix implementada e estude, estude muito. Eu sugiro você começar com linguagens como Python, PHP ou Ruby, que tem as melhores bibliotecas para trabalhar com a API do Zabbix.

Isso não é um bicho de 7 cabeças. Estudando você aprende fácil.


Para quem já sabe programar, a minha única sugestão é escolher uma biblioteca com a API do Zabbix e partir pro abraço. Se você for desenvolvedor Web, melhor ainda, vai fazer o que muitos usuários do Zabbix buscam, ou seja, dashboards personalizados.

Espero ter ajudado aos que ainda tinham dúvida sobre o que a API do Zabbix faz.

Dúvidas, estou a disposição para responde-las.

Abraço e até o próximo post.

Share this:

,

COMENTÁRIOS

0 comentários:

Postar um comentário